Conteúdo ANDA Orcas são afetadas pela velocidade dos navios, diz estudo

Baleias-assassinas

Os cientistas descobriram que a velocidade dos navios que operam perto de orcas ameaçadas de extinção é o fator mais influente na quantidade de ruído dos barcos que atinge as baleias.

A frota de observação de baleias aumentou de menos de 20 barcos comerciais na década de 1980 para cerca de 80 barcos que servem cerca de 500.000 pessoas por ano. No passado, a NOAA Fisheries (Administração Nacional Oceânica e Atmosférica) identificou o tráfego e ruído de navios como uma das três principais ameaças à recuperação da população ameaçada de orcas residentes, que agora conta com cerca de 80 animais. Agora, os pesquisadores descobriram uma maneira de possivelmente reduzir esse ruído.

Os pesquisadores coletaram dados sobre a distância até a baleia de cada navio na área para ver como eles contribuíam para a exposição ao ruído. Eles também compararam as características dos barcos na área com sons gravados por hidrofones para ver quais fatores mais influenciaram o ruído que atinge as baleias. No final, os pesquisadores descobriram que tem a ver em grande parte com a velocidade.

“Definitivamente parece que a velocidade é o indicador mais importante da experiência de níveis de ruído”, disse Juliana Houghton, principal autora do novo estudo, em um comunicado à imprensa. Limitar a velocidade da embarcação nas proximidades das orcas poderia reduzir a exposição ao ruído para a população. No entanto, o ruído não é o único fator que determina como navios próximos afetam as baleias, o que significa que a limitação do tráfego de navios pode ser importante para ajudar a recuperação da espécie.

Fonte: ANDA

 

Anúncios