ESTE É O “MUNDO” DA TAUROMAQUIA! SÓ NÃO VÊ QUEM NÃO QUER!

TOURADA.jpg

Verdades a difundir. Partilhe, p.f. #antitouradas

Cavalos colhidos, touros que se refugiam junto às tábuas, que tombam, que aparentam estar cegos, que, já moribundos, são laçados com cordas e arrastados para fora da arena! Tudo isto acontece frequentemente nas touradas.

Aconteceu disto, e muito mais, na passada quinta-feira, no Campo Pequeno. E ninguém fala no assunto?! Falamos nós!

Que a tauromaquia é uma vergonha, todos/as sabemos. O que muita gente não sabe é que muito do que se passa nas touradas em Portugal é abafado. E este ano, mais do que em anos anteriores, anda nitidamente alguém a pressionar os jornalistas tauromáquicos para que omitam muito, distorçam tudo e tentem passar a imagem de que as touradas são uma beleza!

Só assim se explica que os que relataram em directo a tourada decorrida no passado dia 9 em Lisboa, tenham omitido factos como, por exemplo: a colhida de um cavalo, a queda de um touro na arena, ou as dificuldades e degradantes soluções encontradas para retirar à força da arena um animal assustado que aparentava estar cego.

É este o “mundo” da tauromaquia! Só não vê quem não quer!

Relato em directo coberto de omissões em

http://www.touroeouro.com/index.php//page/event/167

e artigo com informações que parecem ter sido escritas a medo em

http://farpasblogue.blogspot.pt/2015/04/coisas-estranhas-numa-noite-que-se.html)

Fonte:

https://www.facebook.com/antitouradas/photos/a.215152191851685.58389.215151238518447/947043798662517/?type=1&theater

Fonte: http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/este-e-o-mundo-da-tauromaquia-so-nao-ve-528471

***

Apesar da data deste artigo, ele vem mesmo a calhar, para poder dizer algo que quero dizer. E por aqui se vê qual a maneira de ser dos defensores da tauromaquia. Não há um único defensor da tauromaquia, que ao ver e ao ouvir, o sofrimento, a dor, a tortura de seres sensível, nas praças de touros, que se levante da bancada e se dirija para a arena, para defender os seres sensíveis que são vítimas de uma vil tortura, Física e Psicológica. E isto diz bem de qual é a maneira de ser e da falta de sensibilidade, da falta de empatia, e da frieza de todos os defensores da tauromaquia, que vão para praças de touros, assistir ao maltrato, Físico e Psicológico de seres sensíveis!

Mário Amorim

Anúncios