Urso polar “mais triste do mundo” ganha nova casa

Pizza vivia fechado num aquário em Grandview, China, em péssimas condições. Um Parque de Vida Selvagem no Reino Unido ofereceu-se para o receber

Conhecido como o urso polar “mais triste do mundo” devido às condições em que vive num aquário apertado num centro comercial chinês, Pizza vai ganhar uma nova casa num parque de vida selvagem no Reino Unido.

A Animals Asia, uma associação que luta para acabar com a crueldade contra os animais no continente asiático, chegou a angariar mais de meio milhão de assinaturas para fechar o aquário onde Pizza estava fechado, em Guangzhou, no sul da China. Como forma de sensibilizar as pessoas a associação publicou várias fotografias de Pizza e o caso do urso “mais triste” correu o mundo.

Agora, o Parque de Vida Selvagem de Yorkshire fez uma oferta para retirar Pizza do aquário Grandview.

O diretor da Animals Asia, Dave Neale, disse ao The Guardian que “a boa noticia para o Grandview é que agora eles têm a chance de corrigir o seu erro. Graças à incrível oferta do Parque de Vida Selvagem de Yorkshire pode haver um final feliz.”

Segundo o jornal chinês People’s Daily, Pizza vivia num aquário muito apertado, apenas com uma piscina rasa e constantemente a ser surpreendido com visitantes a baterem no vidro para chamar a sua atenção.

No parque em Yorkshire, o urso vai viver num habitat especialmente criado para ursos polares, com uma extensa propriedade e dois lagos. “Pizza vai ter condições incríveis e fará parte de uma comunidade com outros ursos”, acrescentou a Animals Asia.

De acordo com a associação a oferta para receber Pizza obriga o Grandview a não substitui-lo por outro animal. Além disso, nenhum pagamento foi oferecido por Pizza.

Fonte: DN(Contem um vídeo)

Anúncios

Help Protect Polar Bears From Climate Change

ar isn’t just an arctic icon — it’s a critical component of the arctic ecosystem. But as climate change is melting their hunting ground, many are starving and forced to swim extreme distances between ice floes. Two-thirds of the world’s polar bears could be lost in as few as 35 years. If we do nothing to change the path we’re on, they could be wiped out.

The best way to protect them is to limit carbon pollution and stop climate change, through policies like the EPA’s Clean Power Plan. But Congress has made attacking the plan a top priority — despite overwhelming public support for climate action.

Take Action: Help protect polar bears. Tell Congress to let the EPA do its job, and to support strong climate standards.

Assinar aqui: http://therainforestsite.greatergood.com/clickToGive/trs/petition/EDF-ProtectPolarBears?origin=ETE_060315_EDF-ProtectPolarBears_f&utm_source=email&utm_medium=envirota&utm_campaign=EDF-ProtectPolarBears&utm_term=20150603&utm_content=_f