África Filhotes de rinocerontes resgatados são filmados brincando em santuário

Foto: YouTube/Paul Oxton

PJ e Monty experienciaram mais do que a sua parcela de sofrimento nos primeiros meses de suas vidas, mas graças à bondade de algumas pessoas que se importaram, eles agora estão tendo uma segunda chance. As informações são do The Dodo.

Esses dois bebês de rinocerontes, ambos com menos de seis meses de vida, foram resgatados órfãos na natureza da África do Sul. Hoje, eles vivem em um santuário dirigido pelo Saving the Survivors, um grupo dedicado a proteger vítimas sobreviventes da epidêmica caça na África. Lá, PJ e Monty estão tendo os cuidados que precisam para crescer fortes e saudáveis – o que, é claro, inclui bastante tempo para brincadeiras.

Veja o vídeo que mostra os pequenos correndo no terreno do santuário, perseguindo um ao outro como crianças:

Paul Oxton, que filmou o vídeo, sabe da importância de se salvar rinocerontes como PJ e Monty. Seu grupo, a Wild Heart Wildlife Foundation, ajuda a patrocinar este e outros santuários a partir de doações do público.

“As pessoas nem sempre percebem o que é deixado para trás do flagelo da caça. Frequentemente, quando um animal é caçado, há um filhote sendo deixado órfão”, disse Oxton ao The Dodo. “Quem cuida desses animais depende do apoio de outras pessoas, uma vez que não podem contar com a ajuda dos governos. É algo em que as pessoas precisam pensar. Tomar conta dos sobreviventes dessas mortes é o que me guia na vida”.

Nota da redação: Apesar de terem sido salvos de onde provavelmente seriam mortos ou morreriam de fome sem as suas mães, esses dois filhotes parecem estar em um ambiente relativamente restrito, que não é o ideal para a sua espécie. Infelizmente, por causa da ganância e da crueldade humanas, eles perdem a sua liberdade e o direito de viverem de acordo com a sua natureza.

Fonte: ANDA

Anúncios