CONTEÚDO ANDA Projeto quer elevar touradas a patrimônio cultural em Portugal

Uma proposta na plataforma do Orçamento Participativo Portugal(OPP) sugere a elevação de eventos tauromáquicos à patrimônio cultural de Portugal. O projeto já conta com 1.038 compartilhamentos e preocupa ativistas.

Uma proposta na plataforma do Orçamento Participativo Portugal(OPP) sugere a elevação de eventos tauromáquicos à patrimônio cultural de Portugal. O projeto já conta com 1.038 compartilhamentos e preocupa ativistas.

Uma denúncia realizada pela página “Um activismo por dia” afirma que caso a proposta seja aprovada, a crueldade não apenas será institucionalizada, como também será incentivada e receberá recursos públicos que deveria ser investidos no fomento à cultura, educação e preservação do meio ambiente.

“Há certas decisões que não deviam ser deixadas a escolha da população, nomeadamente categorizar tortura animal como ‘cultura’. Cultura é visitar um museu, por exemplo, e não enfiar farpas num ser vivo”, desabafa uma internauta.

Na página da OPP, a ideia legislativa afirma que o projeto consiste em um estudo e construção de um comitê que será responsável por reunir elementos clássicos da cultura tauromáquica para assim auxiliar na realização e organização de touradas em todo o país. O orçamento previsto é no valor de 200 mil euros (aproximadamente 730 mil reais).

Fonte: ANDA

***

Qual é a causa disto?
A causa disto, é ESTA

Se existisse em Portugal, uma muito forte e unida exigência, da abolição da tauromaquia, a tauromaquia, já estaria à beira da morte. Mas como, infelizmente, não se exige, como deve ser, e sem mais demoras, a abolição da tauromaquia, de Portugal, o resultado disso, está a aí…!

Mário Amorim

Anúncios