A AFICIONADA DE SELVAJARIA TAUROMÁQUICA, MARIA ALZIRA SEIXO, PARTILHOU IGNORÂNCIA NA SUA PÁGINA DO FACEBOOK

Como não tenho autorização para comentar nessa página, vejo-me obrigada a praticar, no meu Blog, algo que pertence ao domínio das sete obras de misericórdia espirituais: dar bons conselhos, ensinar os ignorantes e corrigir os que erram

ALZIRA SEIXO.png

Maria Alzira Seixo, “professora universitária” (?) partilhou na sua página do Facebook esta imagem, com o seguinte inacreditável comentário (todos os outros são do mesmo teor):

Maria Alzira Seixo: «Deixem-nos em paz, sim! – mas alguém me sabe dizer onde vivem os touros bravos, qual é o seu ‘habitat’ natural ? Não têm… Não existe… Já não os há nas selvas, como há ainda leões e leopardos (que nunca vi niguém deplorar que estejam fechados nos ‘Zoo’s) Estes da foto são de uma criação de gado justamente para as touradas, e são criados com todo o carinho e até luxo (mas não se aproximem, dão logo uma cornada e matam!), E É O ÚNICO MODO DE PRESERVAR ESTA ESPÉCIE EM VIAS DE EXTINÇÃO. Se preferem que os bois (os mansos!) sejam mortos no matadouro barbaramente e sem defesa, para que nós possamos comer os bifes de novilho, muito bem, é com a vossa consciência… Mas não falem de uns sem falar nos outros! E nos frangos, nas ovelhas, nos cabritos, na caça em geral, etc. etc.»

***

Como é possível alguém que se diz “professora universitária” vir a público demonstrar tanta IGNORÂNCIA, num pequeno texto, onde cada palavra, cada asneira?

Depois de todas as informações a este respeito, espraiadas pela Internet, ela, a “professora universitária”, insiste na ignorância. Aliás, opta pela ignorância. Recusa-se a esclarecer-se. Não aprende nada. E pior do que isso: não quer aprender, e emprenha pelos ouvidos as mentiras que lhe convém ouvir aos seus ouvidos de aficionada.

É daquelas criaturas em que a ignorância parece fazer parte do ADN, e sendo assim, morrerá ignorante, por recusar-se a evoluir e a aprender. A Universidade dá um diploma, mas não carácter.

O que terá para ensinar a Maria Alzira Seixo aos seus alunos universitários?

Pobres alunos!

***

Pois esmiucemos o que diz a “senhora professora universitária”:

Deixem-nos em paz”.

Pois bem, vocês é que devem deixar em paz os bovinos. Esses é que precisam de paz, não de serem torturados até á morte, barbaramente, cobardemente, para prazer mórbido, sádico, patológico, de gente como Maria Alzira Seixo.

«mas alguém me sabe dizer onde vivem os touros bravos, qual é o seu ‘habitat’ natural ? Não têm… Não existe… Já não os há nas selvas, como há ainda leões e leopardos (que nunca vi niguém deplorar que estejam fechados nos ‘Zoo’s)»

Eu sei dizer. Eu explico-lhe, “senhora professora universitária”: os touros bravos não existem na natureza, por isso não têm habitat natural, ou melhor, o habitat natural dos touros são os prados verdejantes, como os da foto, onde deveriam viver tranquilamente com os outros bovinos. E muito menos existiriam nas “selvas” (esta é de palmatória!) por serem exactamente bovinos. Os bovinos, jamais viveram na selva. Os leões e os leopardos, sim, vivem na selva, são animais da selva. Os bovinos são animais domesticados, “professora” Maria Alzira Seixo… Sabe o que isso é?

Por favor, aprenda mais sobre o assunto abrindo estes links:

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/o-chamado-touro-bravo-dizem-os-396144

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/as-touradas-sao-violencia-crueldade-408799

E se nunca viu ninguém deplorar que estejam fechados nos Zoo’s (os leopardos e os leões e todos os outros animais que pertencem à selva) é porque a Maria Alzira Seixo vive fechada no seu mundinho pequeno, pobre e podre da selvajaria tauromáquica, e nem sequer sabe que existem ene movimentos animalistas que pugnam pelo encerramento dos abomináveis jardins zoológicos.

Acorde para o mundo civilizado! Acorde! Faça esse favor a si própria.

«Estes da foto são de uma criação de gado justamente para as touradas, e são criados com todo o carinho e até luxo (mas não se aproximem, dão logo uma cornada e matam!), E É O ÚNICO MODO DE PRESERVAR ESTA ESPÉCIE EM VIAS DE EXTINÇÃO

Os bovinos, que vemos nesta foto, são o produto da interferência desumana de ganadeiros desonestos. E não são criados com todo o carinho e muito menos luxo. Nem pouco mais ou menos. Mais ainda que o fossem, que sentido teria serem criados com todo o carinho e luxo, para acabarem torturados barbaramente para seu deleite, “senhora professora universitária” Maria Alzira Seixo? Mais valia não existirem.

«Mas não se aproximem, dão logo uma cornada e matam», isto é o que lhe dizem? E uma “senhora professora universitária” emprenha pelos ouvidos tamanha mentira? Por acaso a «senhora professora universitária” conhece a história do Fadjen? Sabe o que é um bovino? Não sabe, de outro modo não diria tamanha obscenidade. E já agora, a única espécie em vias de extinção, é a sua, “senhora professora universitária” Maria Alzira Seixo, é a espécie dos aficionados. Porque a selvajaria tauromáquica está com os pés na cova E ainda bem que assim é. Prefiro os Touros.

E para seu conhecimento, aprenda o que há a aprender, nestes links, é um favor que faz a si própria:

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/o-que-sofrem-touros-e-cavalos-as-maos-476746

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/morte-do-touro-na-arena-475305

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/sofrimento-do-touro-em-toda-a-473765

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/a-raca-dita-de-lide-nao-existe-e-um-472939

http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/percurso-do-touro-usado-para-toureio-471214

«Se preferem que os bois (os mansos!) sejam mortos no matadouro barbaramente e sem defesa, para que nós possamos comer os bifes de novilho, muito bem, é com a vossa consciência… Mas não falem de uns sem falar nos outros! E nos frangos, nas ovelhas, nos cabritos, na caça em geral, etc. etc

Pois a sua ignorância sobre esta matéria é abismal. Isto nem é comentável. Como é possível que uma “senhora professora universitária” diz tamanho disparate? Nunca ouviu falar dos vegetarianos? Nem dos vegans? E o que eles pugnam? Nunca lhe passou pela cabeça que os bovinos são seres vivos e não brinquedos de pau para entreter psicopatas? Nunca pensou que a alimentação nada tem a ver com divertimento sádico?

Onde está a sua lucidez? Na cabeça do dedo mindinho dos seus pés, Maria Alzira Seixo?

Tenha vergonha. Reduza-se à sua insignificância de aficionada de selvajaria tauromáquica. Não alardeie a sua condição de “professora universitária”, porque conspurca a Universidade de Lisboa. Conspurca a Humanidade. Conspurca a dignidade da Vida.

Instrua-se. Leia o que aqui deixo para ler, e depois de se instruir, venha a público pedir desculpa pela sua santa ignorância. É o mínimo que pode fazer por si própria, para se exorcizar de tão tamanha vergonha.

Ser aficionada é uma doença hereditária. Mas bradar ignorância é imperdoável.

Fonte: http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/a-aficionada-de-selvajaria-tauromaquica-479619

 

Anúncios