DE FORCADOS SÓ PODEMOS ESPERAR VIOLÊNCIA E COBARDIA NAS ARENAS DE TORTURA E FORA DELAS, E DA RTP UM PÉSSIMO SERVIÇO PÚBLICO

Foi o que aconteceu, ontem, na Praia de Mira, onde se praticou a tortura de belos bovinos, com a cumplicidade dos autarcas… e do clubezinho que a organizou.

Uma autêntica selvajaria… (felizmente) para um público escasso, como era de prever.

Praia de Mira classificada abaixo de lixo!

Neste vídeo (abram o link abaixo) pode ver-se claramente os forcados dentro de um carro a investir contra os manifestantes.

Estando habituados a atacar cobardemente touros moribundos, dentro das arenas, estes fulanos agiram violentamente como é do instinto deles.

São cobardes e violentos por natureza.

O último que fala MENTIU. Ninguém tocou no carro, como, aliás, se viu. E um forcado tapou a cara. De vergonha? Bem… pelo menos teve um rasgo de qualquer coisa…

 

Pois é para sentir vergonha!

 

O condutor do automóvel que investiu, garante que lhe partiram o espelho retrovisor. Pois foi. É a prova da investida. O carro chegou a abalroar uma manifestante, e com o embate o retrovisor partiu-se.

 

Esta foi, sem dúvida uma manifestação importante, que fez estragos nas hostes tauricidas.

Não se evitou a selvajaria. Mas o mundo vai ficar a saber quem são os maus selvagens e os cobardes. E isso já importante.

Mas agora o principal é não deixar esta gente impune.

Os forcados investiram um automóvel contra os manifestantes. Há provas.

Têm de ser chamados à Justiça.

Se não forem, é porque a Justiça em Portugal não funciona.

Estava lá a GNR.

***

Agora atente-se no depoimento de um abolicionista que esteve presente nesta manifestação (o que fala na reportagem da SIC) Vítor Loureiro:

«Como já é normal, a própria comunicação social, neste caso a RTP, tenta sempre ocultar as partes mais importantes, falei cerca de 10 minutos nesta entrevista em vários pontos relacionados com a desgraça da tauromaquia e sobretudo na máfia tauromáquica mas não emitiram.

Como sabem a RTP é pública e são eles mesmos que transmitem e apoiam a barbárie das touradas. Uma vergonha. Mas nunca nos vamos calar e vamos sempre lutar até ao último touro que seja humilhado, massacrado, torturado e chacinado por um bando de assassinos cobardes que vivem á nossa custa.

Vergonha também para a RTP que não passou a minha entrevista toda».

Vergonha, mesmo, Vítor Loureiro.

A tourada ainda resiste (se bem que mal se tendo de pé) devido à cumplicidade destes vampiros do século XXI, depois de Cristo.

Fonte: http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/de-forcados-so-podemos-esperar-450878

***

Faço minhas as suas palavras, Isabel!

Anúncios

A gentalha da tauromaquia, mais não é do que gentalha Cobarde; Louca; Assassina e Psicopata!

Imagem 14º

Ontem, na praia de Mira, ficou mais uma vez demonstrado, a mente completamente louca desta gentalha da tauromaquia. E só gente cobarde e que tem uma mente tresloucada, é capaz de tais actos, que não é o primeiro e nem segundo do género. Podem ver aqui: http://sicnoticias.sapo.pt/pais/2014-08-03-carro-com-forcados-acelera-em-direcao-a-manifestantes-anti-tourada

***

Queria ver esta gentalha da tauromaquia a tourear touros com 500 kg mesmo. Touros que tivessem as suas faculdades físicas e psicológicas completamente intactas. Touros que não tivessem sido brutalmente agredidos, física e psicologicamente, durante 2 dias, para facilitar a sua lide, na arena, no terceiro dia, após a sua chegada à praça. Touros, que tivessem os chifres completamente intactos. E depois, que esta gentalha Psicopata os enfrentasse de calções e em tronco nu, sem cavalos; todos a pé, e em pé de igualdade para com os touros, com as mãos completamente vazias, olhos nos olhos.

– Mas esta gentalha da tauromaquia, que se acha muito valente, não é capaz de enfrentar os touros, sem que eles estejam 80% enfraquecidos, fruto das brutais agressões físicas e psicológicas que tiveram nos curros da praça durante 2 dias. Não é capaz de os enfrentar olhos nos olhos, e sem a utilização de cavalos; capa; bandarilhas e espadas. Ou seja; são COBARDES!!!

Com mais este episódio, ocorrido ontem em Mira, é tempo de os nossos governantes e a nossa justiça tirarem as devidas ilações, e darem um BASTA à tauromaquia e aos Cobardes; Loucos; Assassinos e Psicopatas que a promovem, a realizam e a praticam!

Mário Amorim

 

Hoje, na Praia de Mira, mostraram o quão são pessoas desequilibradas Psicologicamente. Mostraram o quão são Psicopatas!

 

Acabei de saber há pouco, na Sic Notícias que um grupo de Psicopatas Tauromáquicos, hoje, na praia de Mira, abalroou os nossos companheiros anti-tourada que lá encontravam e muito bem a protestar contra a Barbárie que lá iria acontecer, com um automóvel cheio de Psicopatas tauromáquicos, forcados, no caso.

Os nossos companheiros anti-tourada, vão apresentar queixa na justiça. E acho muito bem que o façam, pois com o que foi feito contra eles, ficou, mais uma vez provado, a Mente ASSASSINA da gentalha da tauromaquia.

Ficou, mais uma vez provado, a mente profundamente desequilibrada que esta gente da tauromaquia tem. Ficou mais uma vez provado, o quão esta gentalha é completamente louca. O quão esta gentalha não tem limites.

Tal como todos nós sabemos, este não é o primeiro e nem o segundo episódio do género. E como diz o ditado; tantas vezes o cântaro vai à fonte, que um dia parte. Os acontecimentos do género, vão-se sucedendo, até ao dia, em que companheiros nossos ficarão gravemente feridos, ou até mesmo algum morrer, devido à mente completamente Louca; Assassina; à mente Psicopata deste gente da tauromaquia!

Mais uma vez ficou evidente, o quanto é urgente acabar com a Tauromaquia em Portugal e posteriormente internar em hospitais Psiquiátricos, toda a gente ligada à tauromaquia, durante o tempo que for necessário, por forma a serem tratados, e por forma a não serem mais nefastos para a sociedade!

Mário Amorim

SE HOJE, NA PRAIA DE MIRA, ACONTECER TORTURA DE TOUROS, A LOCALIDADE DESCERÁ IMEDIATAMENTE AO NÍVEL ABAIXO DE LIXO

A tortura (não corrida, porque os touros farão tudo menos correr, ainda se lhes dessem essa oportunidade, eles bem que correriam da arena para fora…) está marcada para hoje. Os abolicionistas pediram aos autarcas que não licenciassem e se demarcassem de todas as actividades tauromáquicas.

Ah! Praia de Mira! Nunca mais!

Pobres bovinos. É no mar e é em terra!

Um grupo de cidadãos e associações de defesa dos animais vão protestar, hoje, na Praia de Mira, distrito de Coimbra, contra a anunciada realização de uma tourada promovida por um clube local, que desconhece totalmente diversões civilizadas.

Shame on you! Touring Club da Praia de Mira, que tem um nome inglês e uma acção terceiromundista!

Esse grupo de cidadãos contestatários, pediu à Câmara Municipal que «não licenciasse e se demarcasse de todas as actividades tauromáquicas no concelho de Mira» e, caso existam verbas públicas atribuídas a práticas que infligem sofrimento a animais exigem o fim imediato dessa atribuição de apoios»

«A tauromaquia é uma prática cruel e obsoleta que tem suscitado enorme repúdio e indignação na sociedade civil portuguesa e mundial: massacrar animais gratuitamente para entretenimento não é próprio de sociedades evoluídas e embaraça muitos portugueses face a uma Europa que se distancia cada vez mais de práticas bárbaras”, alegam os contestatários.

Asseguram ainda que «a tauromaquia está em franco declínio e que, mesmo nos locais onde esta prática é usual as praças tem cada vez menos espectadores, e que face ao declínio que dizem existir, a indústria tauromáquica tem vindo a tentar implementar estas práticas em locais que não têm qualquer tradição de touradas» como é o caso da Praia de Mira.

Uma vez mais aqui se deixa este alerta: os autarcas não são obrigados a seguir leis parvas, que permitem a violência, a crueldade e a tortura dentro de terras pacatas e ordeiras.

«De facto, a tauromaquia só subsiste nos dias de hoje graças a apoios mais ou menos explícitos por parte do Estado, quer através do poder central, quer através das autarquias, algumas endividadas e com populações em situações de carências várias, o que causa nos cidadãos, munícipes e contribuintes, a mais veemente indignação», refere ainda este grupo de cidadãos.

O conselho local de Coimbra do Partido pelos Animais e pela Natureza (PAN) declarou que efectuou diligências junto da autarquia de Mira e do Touring Club Praia de Mira no sentido de evitar que a tourada se realizasse.

Em substituição da tourada, que pretendeu ver cancelada, o PAN referiu ter proposto ao Touring Club «a marcação de um novo evento num futuro próximo, de cariz verdadeiramente cultural, como um festival de música ou de teatro, disponibilizando-se para ajudar na organização e promoção e cujas receitas revertessem para o clube da Praia de Mira».

No seu comunicado, o PAN classifica a tourada como «uma prática anacrónica e que colhe cada vez mais o desagrado da população, também pelo facto de ser patrocinada com dinheiros públicos em cerca de 16 milhões de euros, todos os anos».

«Relembramos que Mira não tem tradição de touradas e pela recolha de informação efectuada a própria população é manifestamente contra este tipo de eventos», refere o PAN.

Sendo assim, esperamos que hoje a tourada prevista ou não se realize ou seja um FIASCO, e ninguém apareça, pelo menos o povo da Praia de Mira.

A tourada está agendada para este momento, no campo de futebol do Touring Club, um clube carniceiro, que, definitivamente, não gosta da Praia de Mira.

 

ESTA SERÁ UMA PRAIA A REJEITAR

Fonte: http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/se-hoje-na-praia-de-mira-acontecer-450742