Poema: A Voz do Touro

touro-3o

Tu,
Touro,
Querido amigo,
Querido irmão.

Queres ser ouvido,
Queres que a tua voz se propague,
Pelas ruas,
E pelas cidades de Portugal.

Queres,
Que aqueles que te defendem,
Em todo o Portugal,
Te façam ouvir,
Nas ruas,
Nas cidades de Portugal.

Eu,
Querido amigo,
Querido irmão,
Continuarei a lutar,
Para que a tua voz venha a ser ouvida,
Pelas ruas,
Pelas cidades de Portugal.

Continuarei a lutar,
Querido amigo,
Querido irmão,
Para que a tua voz se propague,
Com um grande grito,
Pelo teu bem-estar,
Em todo o Portugal.

Querido amigo,
Querido irmão,
Saibas que podes continuar a contar comigo,
Para lutar por ti.

A minha voz,
É a tua voz.

Querido amigo,
Querido irmão,
Tens muitos amigos,
Tens muitos irmãos em Portugal,
Que tal como eu,
Também querem que a tua voz seja ouvida,
Por todo o Portugal,
E também podes contar com eles.

Touro,
Querido amigo,
Querido irmão,
A tua voz vai ser ouvida em todo o Portugal,
A tua felicidade vai ser,
Vai ser gritada,
Alto,
E em bom som,
Numa imensa massa humana,
De pessoas que te amam.

Esse dia vai chegar,
Querido amigo,
Querido irmão!

Mário Amorim

Anúncios

Poema do maior poeta e filósofo da história da musica!

Apr302009AuctionPic9

Início da viagem com gritos
                 tremendos
– Tivemos eles mais cedo migrado

– forte gemido agudo
penetrante lamento animal
de uma mulher
lá no alto da cidadela do monte

– Débil cerca de arame
apartando da mente o coração

James Douglas Morrison
OS MESTRES
E AS CRIATURAS NOVAS

***

Fazes muita falta, Jim!

Mário Amorim