CONTEÚDO ANDA Pai incentiva criança a invadir recinto de rinocerontes em zoo

zoo

Um homem que visitou o Zoológico de Dublin, na Irlanda, no último sábado (30) tomou a decisão completamente irresponsável de deixar seu filho entrar em um recinto com vários rinocerontes apenas para tirar uma fotografia.

Segundo o The Dodo, a criança teria permanecido no local por 20 minutos.

“Foi uma coisa tão estúpida de se fazer. Ele estava a poucos metros de distância dos rinocerontes. As pessoas estavam totalmente horrorizadas e ele estava tentando fazer com que a criança chegasse ainda mais perto”, disse uma testemunha ao The Mirror irlandês.

Foram registradas várias imagens do incidente, mas não está claro se alguém tentou fazer com que o homem trouxesse a criança de volta.
O incidente tem um sabor ainda mais amargo devido a tragédias recentes envolvendo animais em cativeiro.

Em maio, uma criança entrou no recinto de gorilas no Zoológico de Cincinnati, em Ohio, e o gorila Harambe, de 17 anos, foi assassinado sob o argumento de salvar a vida da criança.

No decorrer dos anos, os recintos para animais em zoológicos se tornaram mais naturalistas em comparação com as gaiolas de metal usadas anteriormente.

Estas exposições deixam os animais ainda mais vulneráveis ao público, o que permite que atos semelhantes a estes aconteçam.
“Quando há a intenção de entrar em um recinto, é quase impossível impedir que isso ocorra”, disse Ron Kagan, diretor-executivo do Zoológico de Detroit.

Ele também citou o caso recente no qual um homem entrou no gabinete de um leão em uma tentativa de suicídio e os dois animais foram mortos para salvá-lo.

No Zoológico de Dublin, felizmente os rinocerontes saíram ilesos, mas poderia ter ocorrido uma tragédia. O zoológico alegou que está investigando o incidente.

Fonte: ANDA

Anúncios