O ano de 2016, vai ser o ano em que…

O Ano de 2016, vai ser o ano, em que os pró-tourada vão-se ver forçados a deixarem o medo de lado, e vão querer discutir connosco, anti-tourada, num programa de televisão, de uma forma séria, cientifica e ética. Até hoje, ano após ano, os pró-tourada, com um evidente medo, recusam este debate connosco. Mas a hora de o aceitar está a chegar.
É que em 2016, os pró-tourada, só vão ter duas opções:
– Ou põem o medo de um debate sério, cientifico e ético, connosco, num programa de televisão, numa gaveta, e nesse debate nos provam todas as suas alegações, com provas cientificas e éticas, com dados oficiais.
– Ou a tauromaquia será abolida já em 2016, em Portugal.

Os pró-tourada sabem muito bem, que a maioria dos portugueses sabem que eles não passam de uns cobardes. Se não vejamos; porque será que sempre que têm a chance de discutir connosco num programa de televisão, não levam com eles um único cientifico, que cumpra integralmente o seu código profissional, que nós prove todas as alegações deles sobre o touro? – É assim. É sempre assim, por pura e simples cobardia. Eles, cobardemente, preferem antes, como sempre, repetir as alegações de sempre, sem em momento algum as provar de acordo com a ciência e com a ética profissional. E de acordo com dados oficiais, provenientes de sites oficiais do Governo; das Câmaras Municipais e da União Europeia.

O ano de 2016, vai ser o ano da abolição da tauromaquia em Portugal. E com isso, vai ser o ano em que os pró-tourada, vão ser forçados a deixarem de ser cobardes!

Mário Amorim

Anúncios