NISA SEM TOURADAS

NISA.jpg

Nisa não precisa de touradas para ser feliz. Nenhuma localidade precisa de touradas, seja para o que for. Poucos são os que podem estar contentes com esses actos de tortura de animais.

O que aconteceu no último fim-de-semana, demonstrou bem o que temos dito. E enquanto os “especialistas” tentam arranjar justificações para a falha, para a falta de concorrência do público, para a falta de condições… só se enterram mais e ainda mais.

Nisa não quer tauromaquia, mesmo que alguns ainda vão dizendo que sim.

A decrépita “praça de toiros” de Nisa já nem está conforme com o novo regulamento. Para ser restaurada e adaptada para o mesmo fim seriam necessários avultados investimentos e isso para manter uma actividade que em nada dignifica, que está em falência, que é dispensável, que é maldita por todos. A fazer-se tal obra, quem a pagará e porquê?

Esperemos que tenha sido a última ou uma das últimas vezes que tal barbaridade aconteceu na nossa terra. As touradas não fazem falta nem a Nisa nem ao Alentejo.

Os animais são inocentes, queremos Nisa sem Touradas

Imagem: farpas.blog — em Nisa Portugal.

Fonte

***

«A selvajaria tauromáquica (vulgo tourada) já foi abolida oficiosamente em 2013. De que estão á espera os governantes portugueses para a abolirem oficialmente?

É que esta actividade macabra já se decompôs, e só eles (os governantes) é que ainda não se aperceberam disso» (IAF)

Fonte: http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/nisa-sem-touradas-520755

***

O que aconteceu no fim de semana passado em Nisa, é um bom exemplo que confirma o que referi anteriormente aqui: https://blogcontraatauromaquia.wordpress.com/2015/03/17/quem-se-dirige-a-uma-praca-de-touros-para-presenciar-um-espectaculo-barbaro/

Anúncios