Conteúdo ANDA Caçadores pretendem matar 800 ursos em Nova Jersey

Protesto-contra-caça-de-ursos

Mais de 390 ursos já foram mortos na nova temporada de caça em Nova Jersey. O massacre que começou na última segunda-feira (7) está programado para durar até este sábado (12), podendo se estender até a próxima quarta-feira (16).

Oficiais do estado estimam que há agora cerca de 3.500 ursos em Nova Jersey. A desculpa utilizada para o assassinato em massa é o controle populacional. Mas os ativistas de direitos animais ressaltam que isso é desumano e desnecessário. “Isso não é sobre segurança pública, trata-se de caça premiada”, disse Angi Metler, da Animal Protection League ao CBS. “Isso não faz nada para proteger a segurança pública. Existem outras medidas que fazem um trabalho melhor.”

Os ativistas realizaram protestos contra a caça durante a semana. “Nós precisamos apreciar a natureza em vez de destruí-la”, disse um manifestante. O estado recentemente expandiu as áreas onde a caça será permitida durante o evento. É permitida este ano em todo ou em partes dos condados de Hunterdon, Passaic, Morris, Somerset, Sussex, e Warren, e porções de condados de Bergen e Mercer. Cerca de 8.200 das 11.000 licenças do Estado foram comprados por caçadores.

Caçadores mataram 272 ursos durante a caça do ano passado. O objetivo este ano é de 800.

*É permitida a reprodução total ou parcial desta matéria desde que citada a fonte ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais com o link. Assim você valoriza o trabalho da equipe ANDA formada por jornalistas e profissionais de diversas áreas engajados na causa animal e contribui para um mundo melhor e mais justo.

Fonte: ANDA

Anúncios