LAGOA CIDADE EDUCADORA? NÃO É EDUCAÇÃO. É VIOLÊNCIA.

Por favor, assinem esta petição.

Ajudemos os nossos companheiros açorianos, a ajudar os infelizes bovinos.

É preciso acabar com esta crueldade que nos fere a sensibilidade e esmaga a alma.

https://www.change.org/p/presidente-da-c%C3%A2mara-da-lagoa-a%C3%A7ores-cidade-educadora-n%C3%A3o-%C3%A9-educa%C3%A7%C3%A3o-%C3%A9-viol%C3%AAncia?recruiter=38488526&utm_source=share_petition&utm_medium=copylink

LAGOA.jpg

Exma Senhora Presidente da Câmara da Lagoa

No passado dia 12 de Novembro, apesar dos apelos de mais de 1200 cidadãos, realizou-se uma vacada na freguesia de Santa Cruz, do Vosso concelho.

Face ao exposto, vimos manifestar o nosso profundo protesto pela realização de uma prática tão deseducativa, onde o primitivismo se alia ao sadismo, que consiste em retirar divertimento do sofrimento e da confusão de um herbívoro, já de si em pânico por estar fora do seu meio natural.

Manter uma prática aberrante e caduca nos dias de hoje já é uma irresponsabilidade, apoiá-la ou ser conivente com ela para agradar a uma franja da população alienada ou com ausência de valores não é digno de uma localidade que se pretende “Cidade Educadora”.

This petition will be delivered to: Presidente da Câmara da Lagoa

Fonte: Arco de Almedina

Anúncios

O MATP CONDENA A VACADA DE SÃO MARTINHO QUE ENVERGONHA A LAGOA

Envergonha o MATP e todas as pessoas providas de bom senso e sensibilidade

LAGOA.jpg
É assim… trogloditamente…que em Lagoa se festeja o São Martinho…

Origem da imagem:

http://lagoa-acores.pt/Site/frontoffice/default.aspx?module=article/article&id=498

Está marcada para o próximo dia 12 de Novembro uma “vacada” integrada nas festas em honra de São Martinho.

O Movimento para a Abolição da Tauromaquia de Portugal (MATP) manifesta o seu total repúdio por tal acontecimento que em nada dignifica o concelho da Lagoa e envergonha todos os cidadãos de bom senso e bom coração de qualquer parte do mundo.

Sobre vacadas, o MATP subscreve as seguintes afirmações do Médico Veterinário Vasco Reis que a propósito de algumas práticas tauromáquicas afirmou o seguinte:

«Vacadas e garraiadas contribuem para insensibilizar, habituar e até viciar crianças e adultos no abuso cruel exercido sobre animais, o que pode propiciar mais violência futura sobre animais e pessoas.

A utilização de animais juvenis submetidos à violência de multidões, não pode ser branqueada como “espectáculo que não tem sangue e é só para as crianças se divertirem”. Mesmo que não tenha sangue, é responsável por muito sofrimento dos animais. E contribui, certamente, para a perda de sensibilidade das pessoas, principalmente de crianças, e para o gosto pela cruel tauromaquia. É indissociável de futilidade, sadismo, covardia

Atendendo a que a Lagoa Integra a Rede de Cidades Educativas e que no dizer da sua presidente tal facto constitui uma mais-valia para o concelho «pois através do desenvolvimento de vários projectos verificados nas áreas da promoção da leitura, educação ambiental, educação para a saúde, promoção do conhecimento da cultura local, inclusão social e a animação cultural, a edilidade tem demonstrado activamente aos diferentes públicos a sua componente educativa e cultural em ambientes de educação não formal»,

Vimos apelar aos responsáveis autárquicos para sensibilizar os organizadores no sentido de retirarem a vacada do programa previsto e fazerem como os habitantes da freguesia do Cabouco, que comemoram o São Martinho sem recurso a práticas desumanas e deseducativas como são as vacadas.

Com os melhores cumprimentos

A Direcção do MATP

Fonte:

https://www.facebook.com/groups/ataacores/1440306245997498/?notif_t=group_activity&notif_id=1478525588051917

Fonte: Arco de Almedina