DESCALABRO ABSOLUTO NA ILHA GRACIOSA (AÇORES), ONDE A TAUROMAQUIA E A IGREJA CATÓLICA ANDAM DE MÃOS DADAS EM NOME DA ESTUPIDEZ

Atenção ao envolvimento de crianças nesta tenta comentada, à cumplicidade da Igreja Católica e ao dinheiro que se desconhece de onde venha

E a RTP Açores a ajudar a esta “missa mal rezada”

Quanta vergonhosa promiscuidade!

Origem da imagem:

E assim reza a crónica de mais uma estupidez anunciada:

«Santo António da Vitória

Tenta comentada é novidade para 2014

A Comissão de Festas de Santo António da Vitória – de 22 a 26 de agosto – tem brindado os graciosenses e quem nos visita com várias surpresas, fruto da boa vontade e do trabalho dos seus membros e colaboradores».

– Pois os membros e colaboradores desta iniciativa parva devem ser reciclados urgentemente, para que possam ser úteis à Ilha Graciosa, que com estas selvajarias fica completamente desgraciosa.

«Sendo a tauromaquia uma vertente da festa que atrai o público da Graciosa, este ano a novidade é a realização de uma tenta comentada, pela primeira vez nesta ilha, num recinto montado para o efeito junto à centenária Igreja de Santo António.»

– Obviamente atrairá um povo inculto, bestializado pela incivilização que ainda grassa nessa ilha. E uma tenta (que é algo absolutamente estúpido) “comentada” será com toda a certeza um acontecimento lamentável na vida dos (des)graciosenses.

«O conceituado crítico tauromáquico Maurício do Vale estará novamente na Graciosa para comentar o evento.»

– O Maurício do Vale é um dos que ficará ligado para sempre a esta selvajaria, no Livro Negro da Tauromaquia, que está a ser escrito para memória futura. E quando a tauromaquia estiver extinta e considerada a vergonha das vergonhas (estamos a caminho) os descendentes dos que sujaram o nome neste biocídio, não vão sentir orgulho de tais antepassados, com toda a certeza.

«Numa tenta são, geralmente, lidadas novilhas e servem sobretudo para os ganadeiros observarem as características dos animais da sua exploração.»

– Pois… são lidadas novilhas, para os ganadeiros observarem… Grandes cobardes, que não têm pejo em sacrificar bovinos bebés, para as suas experiências mórbidas e desprezíveis.

«No entanto, nesta tenta integrada nas Festividades de Santo António da Vitória serão lidadas 3 novilhas de João Gaspar (ilha Terceira); 3 novilhos de Valentim Santos e Dimas Bettencourt e 1 novilho de José Lúcio Veiga»

«Integram o cartaz o cavaleiro terceirense e filho da terra, João Pamplona, bem como o conhecido matador Luís Procuna e o novilheiro que também já actuou na Graciosa, João Augusto Moura.»

– Mais nomes a perpetuar no Livro Negro da Tauromaquia, nomes que ficarão ligados à cobardia e à crueldade.

«Participam ainda Paula Santos, da Escola Tauromáquica da Moita e o Grupo Juvenil de Forcados da Tertúlia Tauromáquica Terceirense.».

– Atenção, autoridades! MENORES de 18 anos, portanto, CRIANÇAS estarão a ser explorados nesta iniciativa onde se pretende torturar bovinos bebés. Já nos basta os psicopatas adultos. Agora psicopatazinhos… é demasiado para uma sociedade que se quer humanizada.

«Quanto ao cartaz da festa destaca-se a participação de Augusto Canário e do grupo Trovas da Madrugada, entre outros artistas locais e convidados.»

– Pois estes “artistas” não são ARTISTAS, ou não se envolveriam em selvajarias como esta.

Quanta iniquidade! Quanta vergonha! Quanta miséria moral! Quanta pobreza de espírito.

E tudo isto com a cumplicidade da igreja católica!

Quem é devoto de Santo António tem a certeza de que este Santo não aprova esta promiscuidade.

Nem sequer o Papa Francisco.

Fonte:

http://www.rtp.pt/icmblogs/rtp/graciosa/?k=Santo-Antonio-da-Vitoria.rtp&post=48160

Fonte: http://arcodealmedina.blogs.sapo.pt/descalabro-absoluto-na-ilha-graciosa-454243

Anúncios