Estados Unidos Homem morre tentando defender cão de abusador

Krieger, ao lado de seus dois cães. Foto: Facebook Krieger, ao lado de seus dois cães

A coisa mais altruísta que alguém pode fazer é arriscar a sua vida para salvar outro ser. Para o norte americano David “Krockett” Krieger, um homem de 53 anos, a vida que ele salvou foi a de um cão que ele sequer conhecia. As informações são do One Green Planet.

No dia 11 de dezembro de 2015, Krieger, cuja paixão era ajudar cães perdidos ou em necessidade, sacrificou a própria vida quando testemunhou um homem batendo e chutando brutalmente um cão em um estacionamento, e interveio para defender o indefeso animal. Pelo seu gesto, Krieger foi baleado fatalmente, duas vezes.

Krieger e sua esposa, Ashlie, eram tutores de dois cães, chamados Trout e Sophie. Sua família e amigos dizem que Krieger não só amava os seus cães como se fossem seus filhos como também tinha uma paixão por ajudar cães em situação de abandono em seu bairro, resgatando-os e conseguindo lares para eles, orientando os que se encontravam perdidos até os seus lares, ou prestando assistência a cães em abrigos.

Em uma página memorial no Facebook criada após o seu falecimento, Krieger, que era conhecido como “Krockett” junto aos amigos e familiares, é lembrado como um herói para os animais. “Krockett foi de fato o homem mais bondoso que já existiu, e qualquer um que o tenha conhecido não ficaria surpreso ao saber que o ato final de sua vida foi proteger um cão. Ele era devotado à sua família, a Deus, ao nosso país, aos amigos e animais – particularmente cães – mas ele amava todos os animais e sempre ajudaria qualquer um em necessidade”, diz a descrição. Na página, pede-se que os visitantes postem uma foto de seu próprio animal como forma de prestar tributo a Krieger, que os amava.

O cão salvo por Krieger sobreviveu ao ataque, e o infrator está atualmente na prisão, aguardando julgamento.

Uma página foi criada no site GoFundMe para ajudar a angariar fundos, para cobrir os custos do funeral de Krieger.

“Em nome de todos os animais, te agradecemos, Krockett. Descanse em paz”, diz a reportagem.

Fonte: ANDA

Anúncios