Herói Cachorro morre depois de salvar tutor em tentativa de homicídio em Itu (SP)

https://i2.wp.com/www.anda.jor.br/wp-content/uploads/2016/12/cachorro-morre-defendendo-tutor.jpg O cachorro morreu tentando defender seu tutor

Um comerciante de 60 anos foi preso na noite da última terça-feira (27), após tentar matar um pedreiro de 43 anos. O caso foi registrado em uma chácara em Itú (SP). O autor do crime efetuou disparos de arma de fogo contra a vítima, que foi salva por seu cachorro, que se colocou à frente. O animal acabou morrendo com um tiro na barriga.

De acordo com informações da Polícia Militar, por volta das 22h30, um pedreiro de 43 anos se encontrava no interior de um bar, quando um carpinteiro de 32 anos lhe chamou para conversar em uma chácara, situada em frente ao estabelecimento.

Nesse momento surgiu o proprietário do imóvel, um comerciante de 60 anos, que, na posse de uma arma de fogo, passou a ameaçar o pedreiro, efetuando posteriormente disparos com o revólver, acertando o cachorro, que acompanha a vítima e se colocou na frente do homem para protegê-lo.

O animal, que era tutelado pelo pedreiro, morreu na hora, sendo atingido por um tiro na região da barriga.

Na sequência, a vítima fugiu e acionou a Polícia Militar, que chegou ao local, encontrando o comerciante, autor do crime, no imóvel. Em buscas pela residência, foi localizado, debaixo de um colchão, um revólver calibre 22, contendo cinco cápsulas deflagradas e duas intactas. Em cima de um criado-mudo existiam outras cinco munições intactas do mesmo calibre.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao comerciante, que foi conduzido ao Plantão Policial da Delegacia Central para que as devidas providências fossem tomadas.

Fonte: ANDA

Anúncios

A diferença entre um herói e um criminoso é fácil de identificar.

Os toureiros, a pé e a cavalo. Os forcados. E toda a gente que fomenta, promove e a realiza espectáculos tauromáquicos, praticam um crime. Logo, são criminosos, são psicopatas!

Mário Amorim