conteúdo anda Governo dos EUA fecha laboratório em decisão histórica contra a vivissecção

keywords: stock, end animal testing, be cruelty-free, lab, mouse

A multa a ser paga é de U$ 3,5 milhões.

O USDA encontrou diversas irregularidades e violações no laboratório, incluindo milhares de animais severamente doentes e feridos, tratamento veterinário inadequado, tortura e falha em considerar alternativas aos procedimentos que exploram e maltratam animais. Além disso, foi descoberto que a empresa escondia mais de 800 bodes em uma propriedade oculta.

Parece que finalmente o governo está voltando sua atenção para milhares de animais explorados por empresas de pesquisa, e a decisão contra a Santa Cruz é emblemática. Seguindo a tendência, a U.S. Environmental Protection Agency (EPA) anunciou um plano para coibir a vivisecção e promover alternativas seguras e eficazes contra os testes em animais. A medida representa a salvação para os animais que têm seus olhos e pele agredidos por substâncias irritantes, são submetidos à ingestão forçada de alimentos e inalação de químicos, além de envenenamento proposital.

Um dos piores casos ocorre na indústria de pesticidas, onde é aplicado o “pacote-seis”, a mais cruel bateria de testes já concebida. Os primeiros três testes expõem os animais a uma mega-dose de pesticida, por inalação ou absorção pela pele, para determinar quanto veneno é preciso para matar 50% dos animais. É comum que durante o teste os animais sangrem, convulsionem ou fiquem paralisados. Os três testes finais incluem aplicação dos químicos nos olhos e pele dos animais para determinar o nível de resposta alérgica.

Mas uma grande mudança é esperada para a próxima semana, se o Congresso finalmente aprovar a reforma na lei de controle sobre substâncias tóxicas no país, que regula mais de 80.000 compostos químicos de uso comercial. A emenda tornaria obrigatório o uso de alternativas aos testes em animais, que apresentam resultados melhores, menores custos e respeitam os direitos animais.

O governo dos EUA, antes um financiador da tortura da vivisecção, agora se mostra cada vez mais empenhado em eliminar os cruéis testes em animais e está conquistando o apoio popular para a causa.

Fonte: ANDA

Anúncios