Inconsciência Faminto, elefante come saco plástico descartado por turista em zoo chinês

Um vídeo registrado no zoo de Kunming, na China, mostra um elefante faminto comendo uma sacola plástica descartada por um turista dentro do recinto do animal. A administração do local informou que o zoo instalou placas alertando visitantes, mas muitas pessoas irresponsáveis insistem em interagir nociva e forçosamente com os animais.

O elefante precisou tomar medicação para o estômago e, segundo o zoo, passa bem. Uma testemunha afirma que viu um visitante embalando uma maça na sacola plástica e atirando para dentro do recinto. Esta pessoa suposta teria ficado arrependida, pois notou rapidamente que o elefantes não comera apenas a maça, mas também o embrulho.

O zoo foi questionado sobre o elefante estar faminto a ponto de comer uma embalagem plástica. Um porta-voz afirmou que elefantes são animais muito grandes e que estão sempre em busca de alimento, mas isso não significa que ele não esteja sendo alimentado pelo zoo. O responsável por descartar a sacola não será punido judicialmente.

Nota da Redação: zoológicos e outros locais que aprisionam animais devem ser completamente extintos. Casos como o zoo de Kunming servem para alertar a população mundial sobre a injustiça e crueldade escondida atrás de zoológicos e outros locais que mantém animais em cativeiro apenas para divertimento humano. É preciso clarear a consciência para entender e respeitar os direitos animais. Eles não são objetos para serem expostos e servirem ao prazer de seres humanos. As pessoas podem obter alguns minutos de entretenimento, mas para eles é uma vida inteira de exploração e abusos condenados pelo egoísmo humano.

Fonte: ANDA