Por vezes só com dureza é possível que pelo menos algumas pessoas entendam o que as restantes não querem entender!

 1311195_370 3669754_370 bull fb7af2186aa75f8da73da7ddd6cef4c0 Imagem 1º Imagem 3º Imagem 7º Imagem 9º Imagem 10º IMAGEM PARA VER E REFLECTIR! tourada10

Neste artigo, que ontem escrevi, https://blogcontraatauromaquia.wordpress.com/2014/08/04/vamos-exigir-que-a-tauromaquia-passe-a-ser-ao-contrario/, fui duro. As mensagens de defensores na pagina da Sic Notícias referente aos acontecimentos de Domingo passado na praia de Mira, fizeram-me decidir escreve-lo, e com  a dureza que escrevi.

Escrevi-o da maneira que escrevi, para fazer pensar, pelo menos algumas pessoas que vão ás praças de touros ver a barbaridade da tauromaquia, fazendo-lhes duas perguntas:

-E se elas passassem por tudo o que que o touro passa, a partir do transporte para a Praça de touros, até ao fim de uma corrida???
-Porquê que não se colocam no lugar do touro. E sã consciência; será que gostariam de estar no lugar do touro???
-Pensem bem nestas duas perguntas!

Por vezes temos de ser duros, por vezes não nos resta outra opção, se não escrever-mos de forma dura e crua, para poder-mos falar à consciência, pelo menos de algumas pessoas, que defendem o indefensável, que defendem a tauromaquia!

Mário Amorim

Anúncios