Como podem ver a ciência forense não tem duvidas!

Como podem ver no vídeo que criei ontem, https://blogcontraatauromaquia.wordpress.com/2015/03/19/tourada-realidade-cruel-e-barbara-em-portugal/ a ciência forense não tem duvidas!

Mas quem é o Dr. Guido Palomba?! -O Dr. Guido Palomba é um Psiquiatra Forense, com 30 anos de Psiquiatria, e que é o Presidente da Academia de Medicina de São Paulo(Brasil).

Para mim, há muito que não há duvidas absolutamente nenhumas, principalmente baseando-me nas palavras do Dr. Guido Palomba, que quem maltrata, quem tortura, física e psicologicamente, dois seres sensíveis, na tauromaquia, são pessoas insensíveis, são pessoas que não têm sentimentos superiores de piedade. São Psicopatas, são Sociopatas, são Dutopatas.

E quem é conivente com a tauromaquia, presenciando e incentivando a sua prática, está e estará a ser conivente com gente profundamente perturbada. Está e estará a ser conivente com gente muito nefasta para a sociedade. E quem é conivente com gente deste nível, está a estará a ser igual…

Está mais do que na hora da Abolição desta hedionda e venal prática em Portugal, que é fomentada, e praticada, por gente da pior espécie!

Mário Amorim

 

 

 

 

Anúncios

Compactuar com a barbárie que ocorre na tauromaquia é compactuar com Psicopatas, com Sociopatas.

Compactuar com a barbárie que ocorre na tauromaquia, é compactuar com Psicopatas, com Sociopatas.

O que a ciência nos dizhttps://blogcontraatauromaquia.wordpress.com/2014/12/17/o-que-a-ciencia-nos-diz/

FBI Makes Animal Cruelty A Top-Tier Felony To Help Track Abuse: https://blogcontraatauromaquia.wordpress.com/2014/12/18/fbi-makes-animal-cruelty-a-top-tier-felony-to-help-track-abuse/

Por tanto, cada vez mais a ciência é clara, no afirmar que maltratar animais não-humanos, é Psicopatia, é Sociopatia.
Por tanto, ir assistir a espetáculos tauromáquicos, é compactuar com espetáculos, que são fomentados e realizados por Psicopatas, por Sociopatas!

Mário Amorim

“As pessoas que maltratam animais são insensíveis…”

“As pessoas que maltratam animais são insensíveis, são pessoas que não possuem sentimentos superiores de piedade, e elas normalmente são conhecidas como psicopatas, como sociopatas. São pessoas perversas, e normalmente quando praticam um crime, são pessoas de difícil recuperação social.”

Dr. Guido Palomba. Psiquiatra forense há mais de 30 anos e presidente da Academia de Medicina de São Paulo.”