Mas não posso deixar de fazer o repto…

Estava mais do que na hora de vocês, defensores da tauromaquia, aceitarem discutir a tauromaquia de forma séria, aceitando debater a tauromaquia, na televisão, com um debate de parte a parte, centrado na ciência e na ética profissional.

Há muitos anos que voz fazemos este repto. Mas ano após anos, carregados de medo, fogem dele.

E não posso deixar de voz fazer novamente este repto. Deixem-se de medo, e por uma vez, aceitem debater a tauromaquia, na televisão. Não um debate para levarem, como sempre, alguém que desrespeita por completo o código deontológico, mas sim, alguém que não abdique de cumprir totalmente a ética profissional e que nos mostre provas cientificas, eticamente provadas do que defendem.

Por uma vez, deixem-se de cobardia, e aceitem este repto!

Mário Amorim

Anúncios