COMPAIXÃO – SENTIMENTO COMUM A TODOS OS SERES SENCIENTES

«É bem evidente que este cavalo sentiu compaixão pelo touro ensanguentado e já ajoelhado no chão, sem forças para se erguer.

Sim, os animais também podem sentir compaixão. Não é por acaso que eles acolhem e cuidam até de animais de espécie diferente.

Este impressionante momento entre cavalo e touro, é arrepiante, e devia ser um aguilhão na consciência dos homens, que estes dois seres sencientes e sofridos parecem interrogar.» (Maria João Gaspar Oliveira)

SENCIÊNCIA ANIMAL.jpg

Fonte:

https://www.facebook.com/1557855044442398/photos/a.1858361251058441.1073741828.1557855044442398/1858373357723897/?type=3&theater

Fonte: Arco de Almedina

Anúncios

Os pró-tourada sabem o que é compaixão?

Não. Os pró-tourada não fazem ideia o que é a compaixão. Se não, não aceitariam o sofrimento de outros seres sensíveis. Pois a compaixão é não querer que outros seres sensíveis sofram e nem as causas do sofrimento.

Depois afirmam que não querem que o touro e o cavalo sofram, na praça de touros. Mas eles querem o quê. Querem fazer de nós parvos?!
— Se eles não quisessem o sofrimento do touro e do cavalo, não iriam a uma praça de touros, para ver o sofrimento físico e psicológico deles, e para aplaudirem e gritar vivas e olés a esse sofrimento. Por tanto; o que eles afirmam é hipócrita.

Os pró-tourada, são seres sem nenhuma compaixão, caso contrário, seriam contra e não a favor da tauromaquia.

Mas ao contrário deles, anti-tourada, somos seres com compaixão no coração.
Não queremos e nem aceitamos o sofrimento do touro e do cavalo, nas praças de touros.

Para terminar este curto texto, vou dizer que está mais do que na hora dos pró-tourada porem a mão na consciência, e perguntarem a eles próprios, se é certo estarem do lado da selvajaria tauromáquica. Se não deveriam era estar do lado de quem é contra a selvajaria tauromáquica. Se não deveriam estar do lado de quem luta contra a crueldade, física e psicológica, para com o touro e para com o cavalo!?

Mário Amorim

De vez em quando…

De vez em quando gosto de fugir completamente dos temas do meu blog. Acho, por tanto, que devo fazê-lo neste artigo. E vou fazê-lo com 6 vídeos. Três dos quais, de uma jovem brasileira que descobri há poucos dias no youtube. Mas convém dizer, que o primeiro e o sexto vídeos contêm tradução para português com legendas, bastando para isso, clicar em em baixo no envelope branco.

Não deixem de ver estes vídeos Maravilhosos e verdadeiros, até ao fim!

Compaixão Macaco adota cachorro como se fosse um filho e mostra que podemos aprender muito com os animais

Enquanto entre humanos ainda há gente preocupada tentando definir qual é exatamente o conceito de família, os animais nos mostram cada vez mais que para que uma família exista só é preciso muito amor. É o caso deste macaco, que adotou um cachorrinho de rua e cuida dele como se fosse o seu próprio filho.

Os dois vivem em Erode, na Índia, e chamaram a atenção da população local quando o macaco defendeu o filhote de outros cachorros de rua, mostrando sua afeição. Os moradores da região que assistiram ao ocorrido ficaram tão impressionados que ofereceram comida para a dupla. Foi nesse momento que o macaco deu uma nova lição de bondade, ao deixar o cachorrinho comer primeiro do que ele.

Quem vê essa inusitada família comenta que eles têm uma incrível afeição e laços muito fortes – e as fotografias abaixo só mostram o quanto isso é verdade. Vem ver e morrer de amores:

Foto: dinamalar.com

Foto: dinamalar.com

Foto: dinamalar.com

Fonte: ANDA