Desumano Cão sobrevive a tortura bárbara de adolescentes

Divulgação

O caso de Chunky é tão chocante que a inspetora da Royal Society for the Prevention of Cruelty to Animals (RSPCA) responsável o classificou como “o mais perturbador” de que teve conhecimento.

Caroline Doe, inspectora da RSPCA (a entidade que tutela o bem-estar animal em Inglaterra e Gales), ficou chocada quando na mesa lhe caiu o processo de Chunky, um chihuahua que tinha sido roubado a uma família por quatro adolescentes.

“Os jovens admitiram ter dado drogas ao Chunky, pontapés e murros e torcido e partido o pescoço antes de o deitarem fora. Também confessaram que atearam fogo ao focinho e aos olhos através de uma lata de desodorizante com aerossol”, narrou a responsável da RSPCA.

O final feliz começou nos serviços da RSPCA, que trataram o chihuahua até este recuperar a saúde.

“Nunca mais vou esquecer como ele estava aterrorizado e deprimido da primeira vez que o vi. As lesões eram tão graves que, apesar dos fantásticos cuidados e da medicação, não conseguíamos diminuir-lhe a dor. Ele agonizou pelo menos seis dias, segundo os nossos especialistas veterinários”, revelou a inspetora.

Os quatro rapazes, por serem menores de idade, não foram identificados publicamente. A RSPCA salientou que assumiram a culpa dos crimes e foram condenados a pagarem multas de 500 libras (dois deles), 1000 e 5800 libras.

“Os arguidos podem ser jovens e ter confessado a prática dos crimes por estarem sob influência de drogas, mas a crueldade que infligiram neste pobre cão foi extrema, bárbara e indesculpável”, ajuizou a inspetora.

Após uma recuperação “milagrosa”, Chunky foi devolvido à família.

*Esta notícia foi escrita, originalmente, em português europeu e foi mantida em seus padrões linguísticos e ortográficos, em respeito a nossos leitores.

Fonte: Pt Jornal

Fonte: ANDA

***

Todos os adolescentes e jovens que abusam de animais não-humanos, como por exemplo acontece na tauromaquia, e como os adolescentes deste artigo, são Psicopatas, são pequenos Monstros. São adolescentes e jovens, que na vida adulta serão capazes de ser violentos contra outros seres-humanos!

Anúncios