CONTEÚDO ANDA Cadela resgatada cria relação de companheirismo com bebê de 11 meses

https://i2.wp.com/www.anda.jor.br/wp-content/uploads/2017/05/20170509164753dPEKyTmUgc-1024x1024.jpg

Uma cadela que foi vítima de exploração quando viveu em um criadouro de filhotes, teve uma segunda para superar seus traumas. A cadela Nora foi adotada e criou uma relação forte com o filho de 11 meses da tutora.

Elizabeth Spence, responsável pela adoção do animal, e mãe de três filhos, havia dado a luz a Archie de 11 meses. Ela conta que quando a cadela chegou na casa, tinha medo de tudo. Mas foi a partir das interações com seu filho que ela começou a ganhar confiança.

Vivendo em uma casa que conta também com outros três gatos e três cães adotados, Nora aprendeu a ser feliz ao lado de Archie, e essa relação gerou um lindo ensaio fotográfico que mostra o esse incrível exemplo de companheirismo.

A tutora aproveita o amor entre os dois para compartilhar imagens do dia a dia deles na rede social Instagram. Segundo ela, o animal sempre está próximo de Archie, não importa qual seja o local. “Se ele está tomando banho, Nora está esperando ao seu lado. Se estou amamentando, ela fica deitada junto, no meu colo”, conta Elizabeth, que tem feito sucesso no Instagram com a postagem de fotos da família.

Animais que foram vítimas de exploração ou maus-tratos precisam ter uma atenção redobrada quando são adotados. Pois o trauma faz com que se tornem animais ariscos e arredios, nesse sentido é importante que na etapa de re-socialização do animal com o novo ambiente e as novas pessoas que ele conviverá, haver o máximo de paciência e acompanhamento de sua afetividade. A adoção, além de ser um gesto de compaixão e empatia com os animais, é uma forma de transferir afeto e carinho para seres que foram marginalizados e banidos de um novo começo dando a eles o tão esperado final feliz.

Fonte: ANDA

Anúncios