CONTEÚDO ANDA Restam apenas três antílopes brancos lutando pela sobrevivência no Saara

addax

O Addax, também conhecido como antílope branco e facilmente reconhecido pelos chifres únicos, já foi uma espécie bastante comum no deserto do Saara – mas sua existência está prestes a se tornar apenas uma memória.

Restavam apenas algumas centenas dos animais há pouco mais de uma década; e agora sua extinção é iminente, segundo o The Dodo.

De acordo com um novo relatório da International Union for Conservation of Nature (IUCN), a última busca extensiva pelos addax encontrou apenas três indivíduos da espécie na natureza.

O trio sobrevivente foi descrito como “bastante perturbado”, por uma boa razão. Nos últimos anos, novas instalações da indústria do petróleo afetaram drasticamente seu habitat. Além disso, os animais tem sido perseguidos e mortos por soldados responsáveis pela segurança das petrolíferas.

caçador

“Estamos testemunhando em tempo real a extinção dessa espécie icônica, se não intervirmos agora os addax serão exterminados pela caça e perda do habitat,” declarou Jean-Christophe Vié, diretor da IUCN.

Há esperança de que restem outros antílopes não encontrados, mas ainda assim a quantidade é muito pequena para que a espécie se recupere espontaneamente. A expectativa é de que os addax mantidos em cativeiro possam ser reintroduzidos em seu habitat original.

Ironicamente, centenas de addax são explorados em ranchos privados no Texas, EUA. E muito pior, estão sendo reproduzidos para entreter caçadores, criados simplesmente para sofrer uma morte cruel.

Fonte: ANDA

Anúncios