Sem políticas verdes mercado financeiro pode afundar, avisa o BCE

Este alerta surge na mesma altura, em que um executivo sénior do BCE, adiantou que a instituição bancária europeia está pronta, para penalizar quaisquer bancos que apresentem níveis particularmente altos de riscos climáticos nos seus balanços e outros documentos financeiros relativos já a este ano.

O Banco Central Europeu identificou “uma importante fonte de risco sistemático” nos resultados preliminares do seu teste de stress económico, que avaliou o impacto das mudanças climáticas em 4 milhões de empresas e 2.000 bancos ao longo de 30 anos, conforme revela o Financial Times.

Os custos decorrentes de eventos climáticos extremos aumentam substancialmente a probabilidade da perda de solvência dos bancos a logo prazo, caso não sejam adotadas novas políticas climáticas, afirmou hoje Luis de Guindos, vice-presidente do BCE, num texto publicado num blog, citado pelos diários económicos internacionais.

Este alerta surge na mesma altura, em que um executivo sénior do BCE, adiantou, contactado pelo Financial Times, que a instituição bancária europeia está pronta, para penalizar quaisquer bancos que apresentem níveis particularmente altos de riscos climáticos, não solucionados, nos seus balanços e outros documentos financeiros relativos já a este ano.

Esta medida, vai ser repetida a cada semestre e faz parte da nova estratégia do Banco Central Europeu, que será apresentada em Setembro. Christine Lagarde já anunciou, pressionada por associações ambientalistas – como é o caso da organização Green Peace que decidiu aterrar em forma de protesto de parapente no telhado do BCE, na semana passada – que o novo plano estratégico da instituição financeira europeia vai ser “verde”

Os economistas esperam que o foco do BCE na meta da neutralidade da carbónica seja o grande incentivo para a formação dos fluxos financeiros sustentáveis.

“Os mercados respondem aos sinais dos bancos centrais, pelo que se estes olharem com seriedade para a neutralidade carbónica, esta decisão terá uma influência profunda nas decisões do mercado financeiro que acabarão por determinar a formação de capital e, portanto, redefinir a trajetória de carbono da economia” refere um relatório publicado esta semana pela London School of Economics Grantham Research Institute e pelo Centro de Finanças Sustentáveis ​​da London University.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.