BERÇÁRIO Especialistas celebram nascimentos de baleias-franca no Atlântico Norte

Pelo menos 14 filhotes foram vistos ao largo sudeste americano essa temporada


Área de Proteção Ambiental da Baleia Franca

Oficiais da vida selvagem na Florida reportaram um número “encorajador” de avistamentos de baleias-franca em perigo crítico no Atlântico Norte ao largo sudeste dos Estados Unidos, incluindo 14 filhotes, três deles sendo nascidos de mães de primeira viagem.

A contagem total de avistamentos da espécie no período do inverno chegou a 65, relatou a comissão de conservação de peixes e da vida selvagem do estado da Florida em seu último boletim na quinta.

Na sexta, o National Oceanographic and Atmospheric Administration (NOOA) reportou um avistamento adicional de uma baleia-franca chamada Champagne e seu filhote recém-nascido na Ilha Amelia, Florida.

Champagne, 12 anos, é uma das três mães registradas nessa temporada. As outras, Infinity e Catálogo 3720, que não possui nome registrado, tem 19 e 14 anos, dizem autoridades do estado.

Com outros 11 registros de recém-nascidos, os números representam o que o grupo de apoio, Defenders of Wildlife, diz ser “a temporada mais encorajadora de partos em anos”.

Mas Jane Davenport, o advogado sênior do grupo, alerta que as baleias-franca tem experienciado “eventos incomuns de mortalidade” desde 2017, com 32 mortes confirmadas nas águas dos Estados Unidos e Canadá, assim como 14 ferimentos letais.

“Enquanto esses nascimentos são um sinal encorajador, as ameaças contínuas ressaltam que nós ainda temos que redobrar nossos esforços para proteger esses bebês vulneráveis e suas mães”, diz Davenport.

“As baleias-franca encaram diariamente manoplas de cordas de pesca e embarcações velozes, o que juntos causaram a morte de mais de 200 baleias-franca só na última década. Nós estamos matando as baleias-franca mais rápido do que elas reproduzem. A menos que façamos algo para diminuir essas ameaças, estamos ficando sem tempo para salvar a espécie da extinção.”

De acordo com o FWC, as idades das baleias vistas nesse inverno variam entre um ano e mais velhas que quarenta e sete anos. A maioria dos avistamentos nessa época do ano são nas águas do Atlântico partindo da Carolina do Norte até a Florida.

Um catálogo de todas 766 baleias-franca registradas desde 1935 é mantido pela New England Aquarium, em Boston. De acordo com o Defenders of Wildlife, cientistas estimam que somente por volta de 356 baleias-franca estavam vivas no final de 2019. Dessas, menos de 70 eram fêmeas adultas.

Fonte: ANDA

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.