CONSCIÊNCIA Activista Greta Thunberg elogia protestos anti-racistas

Quem é racista é um muito mau ser-humano no coração.
Uma das coisas mais lindas que existe em Gaia, é a diversidade. Diversidade de raças, diversidade de credos.
Quem é racista, recusa-se a perceber que somos todos seres-humanos. Somos Todos UM, independentemente das raças, da cor da pele!

Mário Amorim


“As pessoas estão percebendo que não podemos continuar olhando as coisas da mesma maneira”, diz a activista

Imagem tirada do protesto Vidas Negras Importam

Greta Thunberg disse que os protestos do movimento “Black Lives Matter” (Vidas Negras Importam) mostram para a sociedade que atingimos um ponto onde a injustiça não pode ser simplesmente ignorada, mas ela acredita que um “plano de recuperação verde” da pandemia do novo coronavírus não será o suficiente para resolver a crise climática.

Reflectindo sobre os protestos que aconteceram ao redor do mundo nas últimas semanas, a activista sueca contou à “BBC”: “Parece que passamos por um ponto crítico em que as pessoas estão percebendo que não podemos continuar olhando as coisas da mesma forma. Não podemos continuar varrendo essas injustiças para debaixo do tapete”.

“As pessoas estão começando a encontrar suas vozes, realmente entendendo que elas têm impacto.”

“A pandemia do coronavírus lhes deu esperança, mostrando que os que estão no poder precisam agir com emergência, mas a crise climática deveria ser tratada com a mesma importância, disse ela. “Isso mostra que, em uma crise, você age com a força necessária”, completou Greta. “De repente as pessoas que estão no poder estão dizendo que vão fazer o preciso, já que a vida humana não tem preço.”

“A principal mensagem nas entrelinhas de tudo o que nós (activistas climáticos) fazemos é: ‘Ouça a ciência, ouça os especialistas’, e, de um dia para o outro, você ouve todos dizendo isso. É como se a crise do Coronavírus tivesse mudado o papel da ciência na nossa sociedade.”

A jovem de 17 anos está usando o seu tempo durante o “lockdown” para se dedicar aos estudos, mesmo tendo tirado um ano sabático da escola para viajar e fazer campanhas sobre as mudanças climáticas. Thunberg atravessou o Atlântico no ano passado para participar da Cúpula de Acção Climática das Nações Unidas, terminando em Madri para discutir as negociações originalmente realizadas no Chile.

“Eu pensei que estava em casa de qualquer maneira, então eu poderia participar das aulas no meu tempo livre, como um bónus. Isso não conta, mas eu amo muito estudar”, completou Greta. “Sou realmente a última a reclamar, porque não fui afetada por isso.”

Ela também tem usado o seu tempo para produzir um programa de rádio chamado “Humanity has not yet failed” (A humanidade ainda não falhou), em que aborda reflexões de algumas de suas experiências no último ano e analisa alguns desafios que o mundo enfrenta com a crise climática. “A crise climática e ecológica não poderá ser resolvida com o sistema político e económico actual”, diz. “Isso não é uma opinião. É um facto”.

Fonte: ANDA

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.