ABUSO E CRUELDADE Touro assustado e perseguido pula cerca e invade arquibancada em festival espanhol

O incidente ocorreu na cidade de Cortes, na região de Navarra, no norte de Espanha. Quatro pessoas ficaram feridas, o touro passa bem.

Foto: CEN/Toros de Fiesta

Imagens flagram o momento em que um touro perseguido e assustado salta sobre uma cerca em um evento das cruéis corrida em touros, atingindo a plateia. No vídeo é possível ouvir grupos de espectadores gritando apavorados. O incidente deixou quatro pessoas feridas.

Os eventos de corridas de touros espanhóis são flagrantes de abuso e crueldade explícita, o desrespeito com a vida dos animais indefesos é recorrente. Os touros são alvos de chutes, socos, bebidas alcoólicas e provocações, tudo em nome do “entretenimento”.

No vídeo os espectadores são vistos tentando controlar o animal, que atravessa um pequeno espaço entre a divisória da arena e os assentos da plateia, acertando em cheio dezenas de pessoas que assistiam ao evento.

O incidente ocorreu durante a corrida de touros chama de “encierro” parte das festividades locais na cidade de Cortes, na região de Navarra, no norte de Espanha.

Na filmagem, um touro pode ser visto correndo ao redor da praça de touros, quando de repente ele pula sobre a cerca de protecção e entra nas arquibancadas de supetão.

As pessoas presentes podem ser ouvidas gritando e alguns espectadores ajudam a puxar aqueles que ficaram presos perto da cerca para fora do local.

O touro perdido e sem direcção pode ser visto correndo do lado de fora da cerca e depois voltando para a praça de touros, obviamente sem saber para onde fugir, na arena um homem com uma capa vermelha tenta distraí-lo.

Foto: CEN/Toros de Fiesta

O animal assustado então, corre em direcção ao homem que foge antes que o touro pule a cerca protectora novamente enquanto outro touro entra na arena.

Ambos os touros acabam no ringue juntos, um segundo vídeo mostra como o touro alcançou as arquibancadas depois de pular a cerca.

Relatos indicam que uma mulher de Bunuel, em Navarra, e um homem de 74 anos de Mallen, em Saragoça, ficaram feridos, juntamente com outras duas pessoas que não foram identificadas nos relatórios.

O idoso teve que ser levado ao hospital em estado muito grave e foi submetido a uma cirurgia urgente.

Os organizadores decidiram remover o touro da arena e o evento foi cancelado para ajudar os paramédicos a atender os feridos. O touro, segundo os organizadores, não sofrei ferimentos.

Acuado mediante as provocações e agressões sofridas o intuito do animal era claramente o de fugir do local onde era maltratado, procurando a liberdade e distância de seus algozes. Animais são seres sencientes, capazes de sofrer, sentir, criar vínculos profundos e entender o mundo ao seu redor.

Chamar de entretenimento a diversão obtida à custa do sofrimento de outro ser vivo é no mínimo um equívoco grotesco.

Fonte: ANDA